Quantidade de Páginas visitadas

Quem Foi Nilo Cairo

Nilo Cairo da Silva nasceu em Paranaguá em 12 de novembro de 1874 e faleceu no Rio de Janeiro em 6 de junho de 1928. Foi médico, engenheiro militar, bacharel em matemática e ciências físicas e professor catedrático Brasileiro. É considerado o criador intelectual da Universidade Federal do Paraná.

Vida e legado

Nilo Cairo da Silva foi filho do militar Simplício Manoel da Silva Junior. Fez seus estudos primários em sua terra natal e na adolescência mudou-se para a cidade do Rio de Janeiro aonde assentou praça no Colégio Militar.

No exército estudou no Estado Maior de Engenharia tornando-se engenheiro militar. Em 1891 foi promovido a 2° tenente da engenharia e 1° tenente em 1899. Em 1904 ao realizar uma manobra militar mal sucedida, teve dois tímpanos rompidos e assim foi afastado dos serviços militares da ativa. Em fevereiro de 1911 Nilo Cairo foi promovido a capitão.

Nilo Cairo estudou na Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro e em 1903 recebeu o grau de Doutor ao defender a tese “Similus Similibus Curantur”. Alem da engenharia militar e da medicina, Nilo bacharelou-se em Ciências Físicas e Matemática.

Ainda no Rio, Nilo contraiu matrimônio, porém, sua esposa logo faleceu em decorrência do parto do primeiro filho do casal e o mesmo, que nasceu deficiente, também faleceu alguns anos depois.

Em 1906, logo após a morte da esposa, deixou o Rio de Janeiro e mudou-se para Curitiba. Na capital paranaense dedica-se a medicina homeopática ao abrir uma clínica especializada.

Entre os diversos livros que Nilo escreveu em sua vida, muitos são especializados na medicina homeopática, como: Medicamentos Completos, de 1905; Tratamento Homeopático da Coqueluche, de 1906; Tratamento Homeopático da Influenza, de 1907; Guia Homeopático Brasileiro, de 1908; Tratamento Homeopático de Moléstias Tropicais, de 1909; O 606 em Homeopatia, de 1911; Tratamento Homeopático das Diarreias Infantis, de 1917. Entre seus livros encontramos também: Guia Prático da Cultura e Preparação do Fumo, 2° edição em 1922; O Livro da Cana de Açúcar, de 1924; A Cultura de Terra, entre outros. Ao longo de sua vida, Nilo Cairo colaborou em jornais e revistas do Rio de Janeiro e Paraná com artigos, principalmente de medicina.

Com uma extensa lista de livros publicados em diversas áreas, foi convidado a entrar para a Academia de Letras do Paraná e hoje a cadeira trinta e cinco desta entidade tem como o patrono o Dr. Nilo Cairo.

Pouco tempo depois do seu retorno ao Paraná, Nilo casou-se novamente e neste período mora na cidade de Palmeira, interior do estado, por algum tempo.

Nos primeiros anos do século XX, Nilo Cairo ressuscita em antigo sonho de Rocha Pombo que é o de dotar Curitiba com uma Universidade. Para isto reuniu forças com alguns intelectuais e autoridades com a intenção de colocar em prática esta ideia. Este grupo aproveita a alteração de uma lei, a Lei Orgânica do Ensino modificada em 5 de abril de 1911 que desoficializava o ensino superior e criam, em 19 de dezembro de 1912, dia que comemora a Emancipação do Estado, a Universidade do Paraná, instituição embrião da Universidade Federal do Paraná.

Falecimento

Morando em Paranaguá e afastado da vida academica de docente em função de problemas ocasionados por uma úlcera estomacal, em 1928 Nilo viajou para a cidade do Rio de Janeiro com a intenção de tratar a enfermidade, porém, na quarta-feira, dia 6 de junho de 1928, faleceu, na capital federal, Nilo Cairo da Silva aos 53 anos e 06 meses de idade.

Em 1933 seus restos mortais foram transladados do Rio de Janeiro para Curitiba e colocados no pedestal do seu busto, que estava sendo inaugurado em frente do prédio da “antiga” Universidade do Paraná (ainda desmenbrada em várias faculdades) e futura UFPR, na Praça Santos Andrade.


Fonte: Wikipédia (http://pt.wikipedia.org/wiki/Nilo_Cairo_da_Silva). Acesso em 24/04/2010







Validador

CSS válido!

Secretaria de Estado da Educação do Paraná
Av. Água Verde, 2140 - Água Verde - CEP 80240-900 Curitiba-PR - Fone: (41) 3340-1500
Desenvolvido pela Celepar - Acesso Restrito